Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

a complexidade das falácias

a complexidade das falácias

inspiração

O que é feito da inspiração? Quando falo em inspiração falo em criatividade, em inovação, em paixão e em entrega às mais diversas coisas. A verdade é que os dias inspiradores estão a tornar-se extintos enquanto somos sufocados com notícias sobre a crise. A conjuntura Europeia é grave e Portugal apresenta-nos cada vez mais um presente incerto e um futuro assustador.

Eu considero que é nesta dura realidade em que nos encontramos que devemos apelar à inspiração. Não nos podemos entregar ao conformismo, temos que abraçar novos projectos e dar a volta por cima mesmo quando as perspectivas são as piores. É tão duro sermos jovens e sentirmos que estão a transformar os nossos sonhos, ambições e projectos em mera poeira. 

E não, não concordo com as palavras do Sr.Primeiro Ministro e de muitos analistas da treta ("o desemprego é uma oportunidade") porque na minha perspectiva, tudo o que estes senhores dizem não passa de lixo auditivo. 

Já Tolstói dizia que "deve valorizar-se a opinião dos estúpidos: são a maioria".

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.